Início / Artigos / É tempo de RECOMEÇAR e voltar ao primeiro amor!

É tempo de RECOMEÇAR e voltar ao primeiro amor!

O primeiro amor é algo arrebatador. Quando você tá apaixonada por uma pessoa você quer falar com ela a todo momento. Você quer ouvi-lá, contar como foi seu dia, as novidades nos detalhes, seu coração arde só de ouvir o nome. O tempo passa e algo esfria.Ouvi-lá já não é mais tão emocionante (isso quando você ouve), ir à casa dela vira rotina. Você começa achar inútil contar seu dia e os detalhes. Seu coração não arde mais e sua barriga não sente mais aquele frio na barriga. Aquela confiança que antes você dizia inabalável esvaiu, e aquele amor que você disse que nunca iria acabar, caiu de suas mãos e você nem percebeu. Quando isso acontece com você é ruim, mas quando é a pessoa que faz isso com a gente é péssimo pois entre os dois sempre haverá um que ainda estará no primeiro amor. Agora imagina Deus, ter que assistir você se afastando Dele, tão frio e tão distraído. Tão longe e tão perdida(o). Ele fala, mas você não ouve. Te chama, mas você não vem, o barulho da tecnologia não te deixa escuta-lo. Você lembra que no seu primeiro amor você contava as horas pra ir à igreja? Colocava a melhor roupa, afinal, era para o Rei!

Hoje está ausente esse desejo, ir à igreja virou um fardo, uma rotina. Ouvi-lo falar não te emociona, é como se estivesse um iceberg intocável! Sua fé não é a mesma. Você lembra da sua fé quando começou a conhecer Deus? Você não notou a mudança, mas Deus notou o seu comodismo,  o seu esfriamento, a confiança abalada. Deus notou aquele amor que você dizia nunca acabar sumindo e aquela adoração que você dizia ser somente Dele, sendo dedicada a outras coisas e pessoas. Regresse, volte ao jardim e veja como você era. Se arrependa, volte ao primeiro amor! Deus continua apaixonado, e com o mesmo olhar apaixonado te encara.

O PAI TE AMA, E TE ESPERA DE BRAÇOS ABERTO!!

Cerca de Karina

Além disso, verifique

Ser como CRIANÇA!

Marcos 10.13 a 16 Por onde Jesus passava era cercado por todo tipo de pessoas, ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *